quinta-feira, 20 de abril de 2017

A Era do Cinismo

Esta semana a Folha manchetou: "Lula perde apoio entre intelectuais de esquerda no país". Lendo a matéria porem, constata-se que se tratava apenas da psicanalista Maria Rita Kehl e ainda assim ela ressalvava que sua “decepção” se dava no âmbito do personagem Lula e não em relação ao líder político. Ora, o comportamento da grande mídia em geral, há tempos confirma e remete a critica feita há mais de trinta anos por Peter Sloterdijk no seu clássico Crítica da Razão Cínica, onde sugeria que o jornalismo estava se tornando um terreno mais fértil para a legitimação pública de 'ideias' do que os canais -propaganda- instituídos para tanto.

Atualmente no Brasil, está escancarada a opção da maior parte do jornalismo da chamada grande mídia, em fazer parte de um amplo processo de propaganda de interesses particulares e governamentais, desvinculando cinicamente de vez, daquilo que um dia convencionou-se chamar no jornalismo, de interesse público.

Nestes dias em que a mídia gorda e cínica dedica-se a massacrar Lula em tempo integral, vejo algumas pessoas declarando-se desiludidas com Lula, como se ele algum dia tivesse se disposto a ser santo a ponto de levitar, projetando nele seus desejos idealizados, que ele nunca se dispôs a realizar, uma vez que  Lula sempre foi um líder pragmático tão somente, daqueles que 
-como diz o sovado chavão-,  sabem que para fazer omelete é preciso quebrar os ovos.

Quem procura um santo, deve procurar em outro lugar, não na política, muito menos na política brasileira. Os que se dizem santos, na política, vão pouco a pouco derretendo como se tem visto. Os hipócritas são o que há de pior desde sempre como se sabe.

É claro que Lula deixou a ponta do rabo para fora e não dá para negar que ele manteve relações promíscuas com parte da elite, acreditando que seria “aceito”  na festa dos bacanas sem ser um deles. Não foi. Não seria e não será nunca, como se vê nas manifestações explícitas de ódio de classe e perseguição midiática e judicial.
Não conseguem admitir a obviedade indiscutível de que ele, o Lula fez o que nunca fizeram nem se interessaram em fazer: O mais progressista e melhor governo desde Vargas, patrocinando a  maior inclusão social na história brasileira e ainda hoje é o político mais popular da atualidade.

Embora nada até agora tenha sido provado em termos de corrupção, apesar do massacre maciço e diário, (Desejamos que não seja afinal ele é investigado incessantemente há mais de trinta e cinco anos), não é tampouco, hora de chorar, por parte daqueles que descobriram tardiamente que Lula não levita e nem anda sobre as águas, pois a feroz perseguição judicial e midiática contra ele além de cínica e preconceituosa, é um gravíssimo atentado às liberdades e ao estado do direito, que pode atingir a qualquer um de nós, como aconteceu recentemente com o blogueiro Eduardo Guimarães. O pouco caso e a lassidão da justiça com corruptos notórios e comprovados em face do monumental esforço em torno das questiúnculas Lulistas, ilustram bem a desfaçatez e novamente o cinismo com a moral e ética que faz desses conceitos, um reles eufemismo para guerra política.

Não obstante a todo o circo do golpe e seus desdobramentos e a procura desesperada por algum ‘pelo em ovo’, é possível que encontrem finalmente o santo graal ou pedalinho... etc, que tanto procuram, através de Leo Pinheiro, o homem da OAS, já que ele se encontra sob extrema pressão para ganhar a liberdade, considerando que ele já teve anteriormente sua delação recusada, por se negar a acusar Lula, então é possível que agora acuse ou acrescente o tal “fato novo” exigido pela vara de Curitiba, que permita finalmente o consórcio do golpe a prender Lula e impedi-lo "legalmente" de disputar a eleição, que é o supremo desejo da direita hidrófoba que, segura de sua impunidade esgrime sua hipocrisia favorita: cadeia para todos os corruptos.(*rs!)

A conferir !?

Ademais, malfeitorias à esquerda e direita a parte, é preciso lutar agora aguerridamente por alguma isonomia, alguma justiça em tudo que se vê no Brasil da casa grande, para fazer frente ao ódio e à criminalização de encomenda, planejada e dirigida somente a Lula/PT, pois a luta não é moral, nem nunca foi. É de classes! Ponto. Ética e moral nesse processo nunca interessou aos hipócritas a não ser como pretexto e munição. Os sorrisos e afagos do julgador Moro em Aécio, Temer e quejandos, falam mais que um bilhão de palavras.

Como disse o poeta Miró, "Deus é grande, mas o diabo tem um metro e oitenta!"


sexta-feira, 23 de dezembro de 2016

Ah, o natal...!

Bernard Shaw, o brilhante dramaturgo e frasista irlandês, disse certa vez que o melhor lugar para passar o Natal era um longínquo país oriental no qual a data não fosse comemorada. Concordo com ele e vou além porque fico raivoso em ver o povo bovinamente movendo-se nas ruas e shoppings estupidamente sem nem ao menos saber porque e transformando tarefas simples como ato de entrar num supermercado para apanhar nossa cerveja de cada dia num verdadeiro inferno. O Trânsito então nem se fala. E o que dizer das luzinhas chinesas, o chato do papai noel e a famigerada árvore de natal. Uma coisa sem sentido algum para mim e a histeria comercial? Afff!
Segundo um estudo ("Scroogenomics - Why You Shouldn't Buy Presents for the Holidays") da famosa escola de administração da Universidade da Pensilvânia, Para quem os recebe, nossos presentes valem apenas 53% ou seja 47% gasto com presentes são dinheiro jogado no lixo. O Psicalista Contardo Calligaris analisando o estudo, levanta questões interessantes:

... Por que oferecemos presentes de natal? Resposta óbvia: para produzir a maior satisfação possível no presenteado, para fazê-lo feliz. Talvez, mas vamos devagar. Por exemplo, é bem possível que a troca natalina de presentes seja sobre tudo um gigantesco "potlatch", como dizem os antropólogos, ou seja, uma maneira de torrarmos festivamente nossos recursos (dinheiro, bens e tempo) só para manifestar nossa riqueza (grande ou pequena) aos outros, ao céu e a nós mesmos. Além disso, cada um presenteia amigos e inimigos por razões que pouco têm a ver com a intenção de fazer o outro feliz. Há presentes pedagógicos e paternalistas (ofereço um vale-livros ao primo que não gosta de ler e uma camiseta P ao maridão que virou um boto), assim como há presentes que servem só para cumprir o protocolo ou para intimidar os presenteados (no estilo: "Este, meu caro, você nunca vai poder retribuir".)

... Quando alguém que amo (e que me ama) me oferece um presente, não espero receber aquele objeto que quero e procuro há tempo -claro, vou gostar de receber isso, e vai ser uma festa, mas, cá entre nós, esse tipo de coisa posso encontrar e comprar sozinho. De quem me ama, espero muito mais: espero receber algo que, até então, literalmente, eu não sabia que eu queria.
O verdadeiro presente é aquele que me revela meu próprio desejo.
 ...(continua)

Publicado originalmente em 24/12/2009 e de lá pra cá só piorou

domingo, 9 de outubro de 2016

Tão longe, tão perto...

O João era um cara que foi lá em casa na Luz com aquele cilindro fazer um talharim, mas eu não estava lá. Ele tem um filho com uma amiga, encontrávamos por aí vez por outra, mas raramente falávamos porque eu sempre encontrava com ele saindo do banheiro e eu na fila em algum bar que ele tocava ou então cruzávamos em alguma festa etc... nesses últimos 10 anos. 
João era amicíssimo de quase todos os meus amigos e, portanto muito próximo e sem nenhuma razão não éramos íntimos, mas e daí?  A gente pode gostar de alguém sem ter intimidade? Pode. João era doce e amado por todos e assim lá no fundo eu sabia quem era o João. Infelizmente não dá pra ser intimo de todo mundo nessa vida.
Sexta feira de manhã vi alguém na rede perguntando o que tinha acontecido com o João e eu mesmo perguntei; Que João? E então começou a falação e logo apareceu uma foto do João e a notícia desoladora. Na noite de quinta o João tinha ensaiado com seu irmão (Thiago) na banda em que tocavam e voltaram pra casa cedo, pois o João teria que acordar as 6:00 da manhã e assim antes de chegar em casa passaram na padoca, João pediu suco de laranja e um sanduiche e foram pra casa. Pela manhã, como o João não se levantava apesar do despertador, o Thiago foi acordá-lo, mas o João tinha falecido.
A noticia percorreu minha espinha como um raio: Como alguém saudável com 35 anos se deita para dormir e morre?  Naquela noite não conseguiria dormir direito. Estava aterrorizado com esta possibilidade medonha. Foi uma noite horrível, interminável e modorrenta envolta numa névoa de pensamentos cavernosos, misturados com sono superficial e interrompido com múltiplas interrogações revoltosas e receio de dormir.
Como assim não se pode mais nem dormir em paz? Então saí de casa e fui tomar um whisky barato no buteco pra ver se diminuía aquele aperto no peito e ainda tive que ouvir sandices de tipo: Ah, as vezes quando a pessoa parte é porque ele já tinha cumprido sua missão... Nessa hora sempre tenho vontade de despachar esses infelizes “explicadores do inexplicável-insondável...”
Neste dia o João e eu imediatamente ficamos íntimos. A corrente de tristeza, incredulidade e pasmaceira que se formou entre tantos amigos nos aproximou.
Ainda vai demorar um tempo para sair os resultados da autópsia, mas um legista amigo de bar arriscou um palpite: Isquemia. Algo parecido como quando você está no seu PC trabalhando e num milionésimo de segundo ele apaga sem nenhum aviso prévio. Simplesmente morre. Daí vc checa fonte, memoria, placa e pode descobrir que o hd queimou sem nenhum motivo... de uma hora pra outra já era! Simples assim, desolador.
Para nós que ficamos, é um choque. Nessa hora é inevitável visitar pensamentos evitados e muito difícil aceitar e conviver com essa fragilidade...  Viver a mercê do desconhecido, do inexorável é uma merda e uma crueldade contra a qual ainda nada ou muito pouco podemos fazer.
Às vezes a gente se esquece de que existir/viver é muito parecido com a sensação de estar sempre com um revolver engatilhado na têmpora, empunhado por alguma coisa temperamental e sem compaixão.
Foda!

domingo, 2 de outubro de 2016

DÓRIA - a vitória do menino "trabalhador"

O derretimento de Russomanno e Marta no ultimo momento, desaguaram no boneco de ventríloquo do desgovernador policial Geraldo Alckmin, vitimando Fernando Haddad já muito prejudicado com o massacre midiático diário ao PT. Um final melancólico e precoce do processo civilizatório da cidade iniciado por Haddad.
Até uns 4 anos atrás, nem nos meus piores pesadelos eu poderia acreditar no ressurgimento da direita mais tacanha no Brasil, mas de uma hora pra outra, começaram o desatino e parece que a turma tomou gosto e a lista vem crescendo com a eleição de Dória no primeiro turno:
-Assassinato de haitianos inaugurando os crimes de ódio;
-Golpe de estado parlamentar de fazer inveja a qualquer republica
bananeira;
-Aniquilamento das políticas afirmativas;
-Pessoas pedindo a volta da ditadura militar em plena Av Paulista;
-Corte no orçamento da saúde e educação;
-Volta da violência e repressão policial como instrumento político;
-“Reforma do ensino” sem ouvir os educadores;
-Corte de benefícios sociais e ódio aos pobres;
-Aumento criminoso da idade para aposentar;
-Aparecimento de grupos facistoides e incitamento ao ódio
-Prisões ao arrepio da lei;
-Volta da luta infantilóide do Bem X Mau com a grande mídia
fomentando os analfas políticos;
-Agressões gratuitas e histeria coletiva em locais publicos,
restaurantes, etc
-Demissões por razões políticas (vide caso Trajano – ESPN);
-Perseguição ao filme Aquárius que poderia representar o país
pelo mundo;
-Entrega das riquezas do pré-sal;
-Surgimento do Macartismo tupiniquin
-Recorde de assassinatos da população LGBT que aliás perderá a secretaria que será extinta (promessa de campanha) por Dória eleito hoje.
...e segue a lista absurda, onde a eleição da nulidade Dória no primeiro turno é só a cereja do bolo a ser levado ao forno, onde criador da nulidade (o desgovernador policial Alckmim) se prepara para eleger-se presidente com o amplo apoio do seu eleitorado trevoso-analfa.
Lamento pelas gerações futuras que colherão os frutos de um momento triste, entreguista, babacóide, odiento e sombrio da história Brasileira.

terça-feira, 13 de setembro de 2016

A "queda" de Cunha

Não vejo motivos para a comemoração da cassação -favas contadas- de Cunha. Cassação agora serve apenas ao governo golpista para vender uma falsa imagem de que a justiça alcança a todos.
Precisando se cacifar para mudar a imagem de golpista e pária internacional, Temer tentará agora capitalizar a cassação tardia de seu aliado que teve que ser sacrificado por um “bem maior”. É o famoso cair pra cima
Cunha desempenhou o papel crucial na quartelada jurídico-parlamentar e seguraram ele no comando da câmara o quanto puderam pra que terminasse o trabalho sujo. Fato!
Agora começam aquelas manchetes e editoriais na linha do levanta que eu corto; "Planalto avalia que relação com Câmara deve se estabilizar após queda de Cunha", de O Globo, "Cunha é cassado por 450 votos, sai sob vaias e se queixa de abandono de Temer", da Folha de S. Paulo, "Tempo de reconstruir", do Estado de S. Paulo.
Ainda falta no menu do golpe combinar com a tigrada, como reagirão ao confisco de direitos, (notadamente SUS), o aperto geral para pagar o tal “ajuste”, a aniquilação de Lula, etc...
Sem o que comemorar por enquanto e contra delírios outros como a anulação do golpe no supremo, o negócio agora é: Pressão total nas ruas, sem arrego, Fora Temer e diretas já!

sexta-feira, 2 de setembro de 2016

Vale a pena se afastar de familiares e amigos por causa da política ?

"Não vale a pena perder amigos ou se afastar de familiares por causa de política".
Desculpem-me pela frieza, mas vale a pena, sim. Mais do que isso: é fundamental perder amigos e se afastar de parentes.
Se o "por causa de política" se refere ao fato de esses amigos ou parentes fazerem apologia (ainda que de forma velada) à desigualdade, ao racismo, à concentração de renda, ao sexismo, à xenofobia, à discriminação, à humilhação simbólica de classes desfavorecidas, à regressão do país à condição de colônia ou a estupidezes semelhantes (a lista é longa), faço questão absoluta de tomar providências para nunca mais ver pela frente esses "amigos" e para só encontrar esses parentes em inevitáveis eventos familiares (interagindo o mínimo possível).
Cansei da eterna concertação, do "deixa disso", do "vamos conversar".
Se é a sociedade e o país nos quais terão que viver os meus filhos e os filhos dos (estes sim) efetivos amigos e lúcidos parentes que estão sendo sacrificados, digo com muito gosto: sumam da minha frente. Tenho muita gente fantástica com quem interagir.


sábado, 23 de julho de 2016

A dívida pública é um mega esquema de corrupção institucionalizado

Dois meses antes de o governo Dilma Rousseff anunciar oficialmente o corte de 70 bilhões de reais do Orçamento por conta do ajuste fiscal, uma brasileira foi convidada pelo Syriza, partido grego de esquerda que venceu as últimas eleições,para compor o Comitê pela Auditoria da Dívida Grega com outros 30 especialistas internacionais. A brasileira em questão é Maria Lucia Fattorelli, auditora aposentada da Receita Federal e fundadora do movimento “Auditoria Cidadã da Dívida” no Brasil. Mas o que o ajuste tem a ver com a recuperação da economia na Grécia? Tudo, diz Fattorelli. “A dívida pública é a espinha dorsal”.
Enquanto o Brasil caminha em direção à austeridade, a estudiosa participa da comissão que vai investigar os acordos, esquemas e fraudes na dívida pública que levaram a Grécia, segundo o Syriza, à crise econômica e social. “Existe um ‘sistema da dívida’. É a utilização desse instrumento [dívida pública] como veículo para desviar recursos públicos em direção ao sistema financeiro”, complementa Fattorelli.
Esta não é a primeira vez que a auditora é acionada para esse tipo de missão. Em 2007, Fattorelli foi convidada pelo presidente do Equador, Rafael Correa, para ajudar na identificação e comprovação de diversas ilegalidades na dívida do país. O trabalho reduziu em 70% o estoque da dívida pública equatoriana.
Em entrevista a CartaCapital, direto da Grécia, Fattorelli falou sobre como o “esquema”, controlado por bancos e grandes empresas, também se repete no pagamento dos juros da dívida brasileira, atualmente em 334,6 bilhões de reais, e provoca a necessidade do tal ajuste.
Leia a entrevista:

CartaCapital:
 O que é a dívida pública?
Maria Lucia Fattorelli: A dívida pública, de forma técnica, como aprendemos nos livros de Economia, é uma forma de complementar o financiamento do Estado. Em princípio, não há (leia mais)

quarta-feira, 25 de maio de 2016

Deus salve o Brasil

Depois de ler todo este diálogo do presidente do congresso Renan Calheiros, com o mesmo Sergio Machado do vazamento anterior, fica impossível compreender que ainda exista "governo Temer". Aliás, fica difícil entender que funcione com normalidade STF, Congresso, etc, com tamanha desmoralização e contaminação geral... Ficou claríssima aquela frase "Dilma caiu por ser honesta" e por "não salvar ninguém", independente dos erros de gestão que ela possa ter cometido.

Um dia antes, na outra gravação, apareceu o ministro Jucá falando que estava costurando acordo com generais, STF, forças políticas e o diabo, para pôr o Michel no lugar de Dilma para estancar a sangria da lava jato.

Em ambas as gravações, a saída foi sempre "ela licenciar ou ser varrida" para entrar o Michel para "reorganizar" as coisas e repor a normalidade ao país..., sabe !?

O pior deste período de gestação do golpe foi o surgimento dos movimentos facistóides que capitalizaram a boa vontade e ingenuidade dos analfabetos políticos e que agora juntamente coma bancada BBB proporcionarão as condições para o aniquilamento das conquistas de minorias e alguns avanços conseguidos a duras penas. Haja vista que o ministro brucutu da educação se reuniu hoje com o ator pornô Alexandre Frota e o grupelho revoltado on-line para receber sugestões para a educação. (Valei-me, Deus!).

Como disse o Prof. Dr. Jessé Souza, o tema “corrupção” nunca foi nada aqui, além de apenas motivo para insuflar o povo e derrubar governos.

De fato a agitação toda foi muito bem vista enquanto foi instrumentalizada apenas para criminalizar o PT e destruir o governo Dilma. Mas, quando “perdeu-se o controle” e começou ameaçar os donos do país, aí se tornou inconveniente.

Se você é um daqueles que acha que vestir a camisa amarela da corrupta CBF e gritar “fora PT” e bater panelas vai mudar o Brasil, lamento informar, mas você precisa robustecer sua leitura da realidade -e também de história-, claro.

Não há como moralizar o país dentro deste presidencialismo de coalizão onde o jogo político se baseia unicamente na obtenção de vantagens em troca de apoio político, independente de quem seja eleito.

Sem uma ampla discussão sobre representatividade e democracia direta, que deságue numa reforma política pra valer, não haverá avanços nem solução.

domingo, 22 de maio de 2016

Tributo ao Jupiter - Virada 2016

Das melhores coisas que eu vi nos últimos tempos foi o tributo ao Júpiter na Virada 2016. Acho que eles poderiam transformar aquela apresentação em um show... porque está sensacional com a participação de grandes ídolos do Rock Gaúcho como Wander Wildner e Plato Divorak, e ainda músicos e amigos: Rogério Skylab, Astronauta Pinguim, Clayton Martin, Violeta de Outono, Ray-Z, Julio Cascaes, Dustan Gallas, Tatá Aeroplano, Glauco Caruso, Bibiana Graeff, Fabio Golfetti, Marcelo Gross, entre outras pessoas importantíssimas e o Jupiter deve estar feliz onde quer que esteja.

quarta-feira, 11 de maio de 2016

CRONOLOGIA DOS GOLPES DE ESTADO NO BRASIL - Atualização


Fui pesquisar por curiosidade a historiografia dos golpes de estado no Brasil e não encontrei nenhuma lista definitiva ou coisa parecida, mas escarafunchando por aí deu para encontrar mais de dez de caráter militar, parlamentar, misto etc, com apoio de parte da sociedade civil inclusive. Pode ser que tenha faltado algum, porque mesmo entre os especialistas há controversias se são 10 ou 12, mas já dá pra ter uma ideia do desapreço brasileiro pela legalidade e inclinação para os casuísmos / jeitinhos.                                       
Entre motivos e pretextos mais utilizados o mais frequente é a corrupção..., e ao final, fica sempre a pergunta; Torcer as regras por conveniência e auto-engano para golpear a legalidade não é em si mesmo, uma forma de corrupção?  

1º  Golpe
1840: Posse de Pedro II através de golpe parlamentar antecipando a maioridade de Pedro aos 14 anos para que ele pudesse assumir e que ficou conhecido como golpe da maioridade.

2º Golpe
1889:  D. Pedro 2º foi deposto pelos militares do Rio de Janeiro e banido do país com toda sua família e assume o marechal Deodoro da Fonseca.

3º Golpe
1891: Com a renúncia de Deodoro da Fonseca, assumiu o vice, Floriano Peixoto. A Constituição mandava que fossem realizadas novas eleições. Floriano ignorou a constituição governando com mão de ferro até 1894. Chamaram-no "Golpe do Marechal de Ferro".

4º Golpe
1930: Getúlio Vargas é derrotado na eleição presidencial e lidera uma revolta que termina na deposição do presidente Washington Luiz, pelos militares do Rio de Janeiro.

5º Golpe
1937: Getúlio Vargas fechou o Congresso, cm o apoio dos militares integralistas e suspendeu a eleição presidencial que marcara,  criando a ditadura do Estado Novo.

6º Golpe
1945: Os militares depuseram Getúlio Vargas, que convocara eleições para eleger seu sucessor. Elas deveriam ser realizadas em dezembro, mas Getúlio foi deposto em outubro e tomou posse o presidente do Supremo Tribunal Federal. 

7º Golpe
1955: O presidente era Café Filho que precisou se retirar por problemas cardíacos. Deixou em seu lugar o presidente da câmara Carlos Luz, que demitiu o ministro da Guerra, Henrique Lott, e em poucas horas foi deposto pelos militares. O Congresso então providenciou um impeachment para Carlos Luz e empossou o presidente do Senado, Nereu Ramos.

8º Golpe
1961: Jânio Quadros renuncia e os ministros militares não concordaram com a posse do vice-presidente João Goulart. Com o país à beira de uma guerra civil, em poucos dias o Congresso votou uma emenda parlamentarista, golpeando e mutilando os poderes do presidente Jango, que finalmente assumiu.

9º Golpe
1964: Insuflados por uma parcela da população, inicia-se uma revolta militar. O presidente Jango desiste do confronto e o presidente do Congresso declara vaga a presidência da República, extinguindo o mandato de João Goulart que teve que fugir para o Uruguai e assumiu então o Marechal Humberto Castelo Branco.

10º Golpe
1968: Chamado golpe dentro do golpe, o marechal Costa e Silva assume o poder e baixa o Ato Institucional nº 5, que fechou o Congresso e suspendeu as liberdades, mergulhando o país no mais tenebroso período da história recente onde floresceu a tortura e desaparecimentos de pessoas contrárias ao regime.

11º Golpe
1969: O Marechal Costa e Silva, sofreu um AVC e ficou incapacitado. Os três ministros militares então avisaram o vice Pedro Aleixo, que ele não assumiria e formaram uma Junta Militar para governar dando continuidade ao regime até 1985, quando houve a redemocratização do país.

12º Golpe
2016: Após a eleição de 2014, o candidato derrotado Aécio Neves se insurgiu contra o resultado e a despeito das campanhas dele e Dilma terem tido os mesmíssimos financiadores, decretou que o poder dela era ilegítimo. Em seguida recorreu à justiça pedindo recontagem de votos e não satisfeito, deu inicio a uma campanha pela desgovernabilidade, sabotando a economia e paralisando o país incitando seus seguidores ao ódio à Presidente Dilma eleita, chegando ao absurdo de levar seu partido PSDB, a votar contra a responsabilidade fiscal que eles próprios instituíram. Ato continuo, a plutocracia se assanhou  -enxergando a chance de voltar ao poder sem votos-,  com a mídia familiar, mais setores do MPF e Policia federal que, alinhados deram o inicio ao vale tudo numa campanha golpista sob a égide de restaurar a “moralidade”.  Apesar da maioria do congresso ser composta por corruptos notórios, e comandados por um chefe já réu num STF no mínimo apático, a Presidente foi deposta ironicamente sob o pretexto de  irresponsabilidade fiscal, já que não foi possível culpa-la de nada. Houve até quem tentasse envernizar o golpe dizendo cinicamente na tribuna, que a presidente estava sendo deposta pelo conjunto da obra, para disfarçar os verdadeiros motivos: A usurpação do poder por aqueles não o conseguiram nas urnas.

O fato é que a receita dos golpes quase sempre teve e tem os mesmos ingredientes: Insatisfação popular, um caso de corrupção bem escabroso amplificado e turbinado pela mídia familiar e seus interesses oligárquicos, autoridades, juízes, promotores e policiais alçados à categoria de semideuses, grupelhos facistóides insuflando a população contra o comunismo, cuba, a política, etc... e contra tudo-isso-que-está-aí, seja lá o que isso signifique. Sob esta mistura aplica-se o glacê golpista-parlamentar e/ou militar e enfeita-se a coisa com alguma cereja-jurídica de ocasião para dar uma tosca aparência de legalidade e está pronto mais um golpe contra a democracia, com o incondicional beneplácito da elite autocrática brasileira. 

Mesmo conservadores como o Jurista  Cláudio Lembo, admite que  agora na américa latina, o impeachment tornou-se uma versão light para golpes e uma alternativa menos sinistra do que o golpe militar, mas ainda sim GOLPE!

O Brasil, assim como países do oriente médio e África não consegue ficar mais de 30 anos sem um golpe de estado. O dano à imagem do país é irremediável e em todos os cantos do planeta a imprensa estrangeira fez da cobertura da crise brasileira um show de bizarrice e humor com âncoras fazendo piadas sobre as patetices de um congresso corrupto, depondo uma presidente honesta, dando o tom e clima burlesco, á farsa. O golpe contra si próprio, um país continental e uma grande economia antes vista como promissora, assusta o mundo civilizado.

sexta-feira, 1 de abril de 2016

Manifestação em defesa da democracia - Pça da sé.

Senti uma certa melancolia aqui na Sé onde estive 32 anos atrás pedindo eleições diretas e democracia e agora precisar voltar novamente para defender a democracia, a legalidade... essa coisas basilares... é *F!
Nossa democracia parece aquele adolescente que se recusa a amadurecer e aquela sensação que tive na aos 22 anos, (1984) de que o Brasil nos 30 anos seguintes seria pelo menos como a Coreia do Sul não se confirmou.
Não investimos o suficiente em educação para a cidadania. Que pena, que *M !

Atualização: Inacreditável a cara de pau, dos grandes portais de internet, Jornais e tv´s: Parece que não aconteceu nada demais...  a programação seguia normal e as manchetes seguem sendo a lava jato etc... só um ou outro destaquezinho sobre as manifestações bem escondido no meio das "denúncias" e novas descobertas de Moro. Afff... 








sábado, 19 de março de 2016

Choque de Realidade

Ontem animado com o ato em defesa da legalidade na Paulista segui para um convescote, onde encontrei casualmente com uma pessoa que conheço das altas esferas do Judiciário e falando com ela sobre o futuro da nação, ela me atirou um balde de gelo e demolidora vaticinou: Olha, não quero te desanimar não, mas é o seguinte: Está em curso um movimento muito mais forte do que você pode imaginar e que não será possível deter, pois envolve até interesses internacionais, as reservas naturais do Brasil, etc. É chumbo grosso e nem a massa de manobra que lota a Paulista pedindo a cabeça da presidente faz idéia do quê está realmente em jogo.
Aquilo que o conservador Claudio Lembo num ataque de sincericídio chamou de Elite Branca que perpassa todo o tecido social, partiu para um tudo ou nada depois das eleições. Inconformados e raivosos acionaram seus tentáculos no Judiciário, Mídia e Empresariado para remover os progressistas do poder a qualquer preço e não opinião dela, não vão parar de fabricar factoides e insuflar o ódio popular, amplificando escândalos, mentindo no horário nobre e torcendo a verdade factual, até conseguirem derrubar a presidente e instalar alguém deles no trono.  Acham que já concederam demais ao zé povinho que deve voltar pra casinha. Contudo tem um enorme problema que é o Lula e precisam demolir o mito e encarcerá-lo o mais rapidamente possível e para isso tem feito o possível e o impossível porque já que não podem matá-lo, porque pegaria mal e o transformaria num mártir, precisam urgentemente desconstruí-lo a qualquer preço.
Encarcerar o Lula e exibi-lo de algemas é uma questão de tempo. Só falta dourar a pílula achando o pelo em ovo.  Fácil, fácil... Pode até ser o pedalinho mesmo ou que soar melhor no momento certo.
Quanto a derrubar a Dilma está demorando mais porque precisam de toda maneira, dar um ar de legalidade ao processo, para não ficar com cara de golpe tosco. Ainda vão precisar de mais tempo para caramelizar o Golpe, mas está quase pronto para ir ao forno.
Na opinião dela, a conclusão do golpe com forte apoio de setores do judiciário e a prisão do Lula é só questão de tempo.
Fiquei pasmo, mas achei que ela estava exagerando, mas considerando que ela nem é eleitora da Dilma, nem petista e ocupando o cargo que ocupa, me acendeu uma luz vermelha, mas mantive o ar esperançoso até saber que o Ministro Gilmar Mendes suspendeu a nomeação de Lula para Casa Civil, pois isso de tão absurdo que é desconsiderando a independência entre poderes e a própria jurisprudência do STF, me fez entender que já estamos agora no vale tudo mesmo e quaisquer escrúpulos de consciência que ainda achava que existia no Brasil não existe mais pois a tal elite branca tem até bancada no STF que o Lula disse ser um tribunal acovardado e que depois disso, falou grosso com ele mas fecha os olhos para os ataques a legalidade perpetrado continuamente, neste vale tudo.
Apesar de tudo lá no fundo a gente ainda guarda  uma pontinha de esperança de que ocorra um ataque de decência aí no senado, na cnj ou mais provavelmente no STF e reponham o bom senso na mesa
Segundo Boaventura Santos, "se a democracia ainda puder ser salva, será pelas mãos do judiciario mas para isso, este poder  precisará ser antes salvo ele mesmo, daqueles que sequestraram a justiça para agir como justiçeiros." Do contrário, será instalada República Judicial das Bananas, regida pelos descendentes daqueles quase vinte mil apaniguados que acompanharam a fuga de Dom João VI, em dezenas de caravelas, mais os dos senhores das casas grandes, que ainda se julgam os donos do país e pensam o pré-sal como o novo pau brasil.

sexta-feira, 4 de março de 2016

O Delírio dos Midiotas.


Passei o dia trabalhando pesado e desconectado e só cheguei em casa agora, quando soube da humilhação do Lula e ao ver o que se passou e a repercussão, me bateu uma preguiiiiça de tudo isso, de debater, lutar por um país melhor... essas coisas assim de comunista, de esquerdista, de vai pra cuba..., sabe? Porque, parece que estamos sempre fadados a regredir como uma espécie de punição por cada ousadia de avanço; Para cada soluço progressista, temos que revisitar nossa mentalidade escravagista e lustrar as botas dos senhores de engenho como uma espécie de punição!? Por aqui o compadrio e o patrimonialismo sempre triunfam sob aplausos da escumalha adestrada e forjada na sídrome de estocolmo, que vibra ao ver o negro de volta ao tronco.

Na noite de 24 de agosto de 1954 também Getúlio Vargas foi humilhado. Era a época do “mar de lama”. Como agora, a mídia familiar, conduzia parcelas da população bovinamente a acreditar no mar de lama, bla,bla... Hoje 62 anos depois do suicídio de Vargas, não se conhece um único caso de corrupção dos milhares atribuídos a ele, que agora é tido e havido como um dos maiores estadistas, o homem que mudou o Brasil, mas contudo, “Um povo que não conhece a sua história está condenado a repeti-la”, como ensinou Edmund Burke.

O nosso Brasilzão que já foi um lugar tão venturoso, vive agora seu momento mais eclipsado, mais careta, mais Bolsonaro, mais babacóide, com tanta feiura, gente odienta, burra, muito burra demais. Até xenófobos estamos ficando. Ando cansado de tanta burrice que dá essa preguiça, esse desalento, essa vontade de jogar a toalha à cada ataque misógino, de caretice, de bolsonite..., a cada vômito verbal dos midiotas e mentecaptos que pululam... e se extasiam com o “mar de lama”, com mendigos incendiados, trombadinhas amarrados a postes, etc. E tem ainda a plateia dos descerebrados que aplaude o show sem saber do que se trata, reproduzindo o que ouviram na TV e desaguando sua fúria comentadora ad nauseam nas redes.

O ex-Presidente, como qualquer cidadão, pode e deve ser investigado quando houver qualquer suspeita fundada, por parte das autoridades públicas, mas também, como qualquer cidadão, deve ter seus direitos fundamentais, garantidos na Constituição e nas leis, observados durante a  investigação, o que foi negado a ele pelo achincalhe e absurdo jurídico de ontem, conforme  posicionamento de grandes juristas brasileiros de diversos matizes.
Este caso, na verdade resume-se ao seguinte: Já existe um culpado e precisa-se urgentemente encontrar algo para encarcerá-lo ou ao menos desmoralizá-lo para inviabilizar sua candidatura em 2018.

E o Lula? Bem, o Lula segue pagando pelo erro dele de um dia ter achado que poderia ser aceito pela casa grande!? (risos!). Agora recebe o “volta pra casinha” em doses diárias, dos eternos donos do Brasil.

sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

Caminhos e escolhas

"...a materia prima da vida é a tristeza e a angústia existencial. A vida e o universo debocha de nós e nos detona a todo instante, mas os intervalos e a pausa entre as detonações podem ser entremeados com coisas boas e é isso que vale a pena"

quinta-feira, 24 de dezembro de 2015

Feliz Natal !

Bernard Shaw, o brilhante dramaturgo e frasista irlandês, disse certa vez que o melhor lugar para passar o Natal era um longínquo país oriental no qual a data não fosse comemorada. Concordo com ele e vou além porque fico raivoso em ver o povo bovinamente movendo-se nas ruas e shoppings estupidamente sem nem ao menos saber porque e transformando tarefas simples como ato de entrar num supermercado para apanhar nossa cerveja de cada dia num verdadeiro inferno. O Trânsito então nem se fala. E o que dizer das luzinhas chinesas, o chato do papai noel e a famigerada árvore de natal. Uma coisa sem sentido algum para mim e a histeria comercial? Afff!
Segundo um estudo ("Scroogenomics - Why You Shouldn't Buy Presents for the Holidays") da famosa escola de administração da Universidade da Pensilvânia, Para quem os recebe, nossos presentes valem apenas 53% ou seja 47% gasto com presentes são dinheiro jogado no lixo. O Psicalista Contardo Calligaris analisando o estudo, levanta questões interessantes:

... Por que oferecemos presentes de natal? Resposta óbvia: para produzir a maior satisfação possível no presenteado, para fazê-lo feliz. Talvez, mas vamos devagar. Por exemplo, é bem possível que a troca natalina de presentes seja sobre tudo um gigantesco "potlatch", como dizem os antropólogos, ou seja, uma maneira de torrarmos festivamente nossos recursos (dinheiro, bens e tempo) só para manifestar nossa riqueza (grande ou pequena) aos outros, ao céu e a nós mesmos. Além disso, cada um presenteia amigos e inimigos por razões que pouco têm a ver com a intenção de fazer o outro feliz. Há presentes pedagógicos e paternalistas (ofereço um vale-livros ao primo que não gosta de ler e uma camiseta P ao maridão que virou um boto), assim como há presentes que servem só para cumprir o protocolo ou para intimidar os presenteados (no estilo: "Este, meu caro, você nunca vai poder retribuir".)

... Quando alguém que amo (e que me ama) me oferece um presente, não espero receber aquele objeto que quero e procuro há tempo -claro, vou gostar de receber isso, e vai ser uma festa, mas, cá entre nós, esse tipo de coisa posso encontrar e comprar sozinho. De quem me ama, espero muito mais: espero receber algo que, até então, literalmente, eu não sabia que eu queria.
O verdadeiro presente é aquele que me revela meu próprio desejo.
 ...(continua)

Publicado originalmente em 24/12/2009 e de lá pra cá só piorou

terça-feira, 22 de dezembro de 2015

2015 o ano Zika !

2015 é um ano para não esquecer mesmo !
1-Eduardo cunha é eleito presidente da Câmera com os votos do PSDB, PMDB, PPS e nanicos e decidiu afundar o país com pautas bombas e sabotando qualquer medida que venha do Governo.
2-Temos o pior congresso da história política brasileira em ação.
3-A Samarco, Vale e BHP, destruiu toda a bacia hidrográfica do rio doce e ninguém foi punido.
4-Presidente da CBF José Maria Marin é preso na suíça, mas aqui é gente boa que organiza o futebol.
5-Terroristas islâmicos decepam cabeças ao vivo no oriente médio.
6-Aqui, pessoas sem cabeça vão as ruas pedir golpe civil ou militar para depor Dilma.
7-Aedes aegypti ataca novamente, desta vez trazendo também a chicungunha (que rima com cunha).
8-Inexplicavelmente Dilma resolve adotar receituário neoliberal do PSDB com Joaquim Levy, que tira dos pobres e dá aos rentistas.
9-Aécio é citado pela 2ª vez na lava jato, mas fica por isso mesmo.
10-Wesley Safadão é a revelação “musical” do ano (Deus tenha misericórdia!)
11-Governador do Paraná Beto Richa mandou espancar os professores e a imprensa não viu nada.
12-Governador Alckmin de São Paulo, ordena o fechamento de escolas, alunos resistem e ele manda a policia militar espancá-los e a mídia sabuja não vê nada (na agressão a crianças) além do correto trabalho da puliça.
13-Auge da crise hídrica em São Paulo e Minas, mas o governador Alckmin ganha prémio de melhor gestor hídrico. (é sério!)
14-Dilma cede a chantagem e entrega vários ministérios aos chantagistas do PMDB, para evitar apoio o golpe via impeachment.
15-Incêndio devasta a Chapada Diamantina.
16- Incêndio destrói o Museu da Língua Portuguesa e parte da bela estação da Luz.
17-Em 37 rodadas nenhum pênalti é marcado contra o Corinthians.
18-Policiais executaram 19 pessoas na periferia de São Paulo.
19- Policia Militar do Rio de janeiro extermina Jovens, negros e pobres “por engano” e segue...
20- Corregedoria da Policia Militar de São Paulo recebe propina para acobertar policiais corruptos.
21- Morre o ex-vocalista do Stone Temple Pilots, Scott Weiland.
22- Presidente da Câmara envolvido em vários episódios de corrupção, tem a cabeça pedida pela PGR, mas ainda assim, desatou o impeachment de Dilma, apoiado pelos aliados PSDB e DEM que não aceitaram o resultado das eleições até hoje e seguem empurrando o país para o abismo.
23-Taxistas espancam motoristas do Uber.
24-Zika vírus chega trazendo surto de microcefalia já beirando os 3 mil casos.
25-Morre o genial cantor e compositor Júpiter Maçã.
... e olha que o ano não acabou ainda, heim?

Atualização em 12/02/2016 : Morreu o grande Lemmy no dia 28 de Dezembro e 12 dias depois David Bowie